Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Valdir Júnior cumpre agenda em Brasília, onde se encontrou com o governador

Reinaldo Azambuja, Valdir Júnior e Bruno Araújo durante encontro em Brasília
O presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Valdir Júnior, cumpriu agenda em Brasília nesta quinta-feira (22), onde se encontrou com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que foi a capital federal tratar de assuntos de interesse do Estado.

Valdir Júnior, que também é prefeito da cidade de Nioaque e membro do Conselho Político da CNM (Confederação Nacional de Municípios), aproveitou a oportunidade para discutir ações de governo e agradeceu ao governador pela parceria institucional com a entidade que representa os 79 municípios do Estado.

Ele esteve na CNM acompanhado do diretor-geral da Assomasul, ex-prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin.

Com o governador, Valdir Júnior acertou uma parceria para divulgação mensal dos valores referentes ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) repassados para os municípios como parte da cota constitucional de 25% da receita do Estado.

Essa ferramenta, segundo o dirigente, dará maior transparência no tributo estadual que hoje é o mais importante na receita das prefeituras, a exemplo do FPM (Fundo de Participação dos Municípios).

Os dois líderes políticos também se reuniram com o presidente nacional do PSDB e correligionário, Bruno Araújo.

Segurança Pública

Em audiência com ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, o governador discutiu a liberação de R$ 70 milhões em emendas para reforçar o programa MS Mais Seguro, e tratou ainda da compra de um helicóptero para o DOF (Departamento de Operações de Fronteira) e das entregas do Centro Integrado de Inteligência Pública do Centro Oeste e do Centro Integrado de Comando em Controle, além do presídio com 603 vagas em Campo Grande.

Reinaldo Azambuja disse que o ministro entende o protagonismo de Mato Grosso do Sul no policiamento das fronteiras. "Ele compreende as necessidades e o papel de Mato Grosso do Sul, que faz fronteira com Paraguai e Bolívia e exerce um papel importante no combate ao tráfico de drogas e armas que têm como destino final os grandes centros urbanos”, disse o governador.

A reunião contou com a participação do relator-geral do Orçamento, senador Marcio Bittar. Eles trataram de emendas de 2019 e 2021, segundo site oficial do governo do Estado.

Por: Willams Araújo

***
Tecnologia do Blogger.