Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Fome no Brasil é reflexo do desmonte feito pelo Governo Federal, diz Deputado

Segundo parlamentar o setor produtivo está com os esforços voltados apenas para a exportação de soja e milho

Parlamentar durante sessão virtual realizada nesta terça-feira ©REPRODUÇÃO
Durante sessão plenária realizada nesta terça-feira (27), o deputado federal Fábio Trad (PSD/MS), atribuiu a alta nos preços dos alimentos e consequentemente o aumento de pessoas em situação de fome no Brasil à política de livre mercado e ao demonstre de órgãos e ações de combate a prevenção a fome promovidas pelo Governo Federal.

De acordo com o parlamentar, a cadeia produtiva brasileira está com os esforços voltados para a exportação de soja e milho, enquanto alimentos básicos para consumo interno perde espaço, como o arroz e feijão.

"O Brasil alimenta boa parte do mundo, enquanto isso seu povo passa fome. É preciso investir no mercado interno. E, para evitar essas altas de preço, o governo precisa comprar parte da safra, em momentos em que se está sobrando alimentos, e colocar esses produtos no mercado quando os valores subirem", sugeriu.

Além disso, Trad condenou o desmonte do Consea (Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional), criado em 1994 e extinto pelo presidente Jair Bolsonaro nos primeiros dias de mandato. O conselho tinha por finalidade coordenar os programas federais ligados à segurança alimentar e nutricional, com abrangência nacional e atuar no combate à fome e nas iniciativas em prol da alimentação saudável, como a redução da utilização de agrotóxicos na agricultura.

Outro ponto questionado pelo Deputado durante a sessão foi extinção do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, que passou a ter as atividades unificadas ao novo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. “O que está acontecendo é um desmonte estrutural de todas as instituições e órgãos de combate e prevenção a fome no Brasil”, criticou o parlamentar. 

Fonte: CAMPOGRANDENEWS
Por: Jhefferson Gamarra

***
Tecnologia do Blogger.