Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Governo e bancada federal reforçam frota do transporte escolar dos 79 municípios de MS

©DIVULGAÇÃO
O presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), prefeito de Nioaque, Valdir Júnior, participou na tarde desta segunda-feira (8) do ato de entrega de ônibus escolares as 79 prefeituras do Estado.

A entrega de 168 ônibus foi feita pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) com a presença do ministro da Educação, Milton Ribeiro, prefeitos e parlamentares.

O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), falou em nome da Assomasul durante o ato, ocorrido no estacionamento do Buffet Yotedy, no Parque das Nações Indígenas, na capital.
©DIVULGAÇÃO
Ao abrir o discurso, Marquinhos agradeceu ao presidente Valdir Júnior por usar da palavra em nome dos 79 prefeitos do Estado e disse que os veículos vão ajudar e muito os municípios ao longo do ano letivo quando a situação da pandemia da Covid-19 (novo coronavírus) se regularizar.

“Obrigado senhor ministro, obrigado governador. Esses ônibus do caminho da escola farão aquilo que o senhor colocou quando recebeu a notícia do presidente em suas redes sociais, a educação transforma vidas e vai ajudar muito municípios do estado de Mato Grosso do Sul, que Deus nos abençoe”, disse o prefeito da capital sob aplausos.

Os 168 novos ônibus vão reforçar a frota do transporte escolar nos 79 municípios de MS.

Fruto da adesão do Governo do Estado ao programa nacional “Caminho da Escola”, do Ministério da Educação, os veículos tiveram recursos garantidos por meio de emendas da bancada federal, de recursos extras orçamentários e contrapartida estadual.

O governador Reinaldo Azambuja falou sobre a importância da parceria entre o governo do Estado e as prefeituras. “Então, eu fico muito feliz ministro. Primeiro, mostrando que quando se tem força de vontade e parcerias às coisas acontecem. Momentos difíceis, momento de pandemia, momento de dificuldade. Ontem, muita gente me questionou, mas para que entregar os ônibus se não está tendo aulas? mas terão aulas”, garantiu ao ser aplaudido pelos presentes.

O governador disse que confia no PNI (Plano Nacional de Imunização) e que em breve a situação voltará ao normal nos municípios, que poderão utilizar os ônibus.

Ele destacou o empenho da bancada federal que garantiu a entrega dos veículos e anunciou que o governo do Estado irá entregar mais 400 viaturas para atender o setor de Segurança Pública.

Adquiridos em licitação nacional, os novos ônibus somam R$ 34.131.912,00 de investimentos – R$ 33.982.592,00 em recursos do FNDE/MEC (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação/Ministério da Educação) e R$ 149.320,00 em contrapartida do Governo do Estado.

Os veículos foram comprados com verba de emendas parlamentares por indicação dos deputados federais Dagoberto Nogueira (PDT), Fábio Trad (PSD), Elizeu Dionísio (PSB), Geraldo Resende (PSDB), Luiz Henrique Mandetta (DEM), Tereza Cristina (DEM), Vander Loubet (PT), Zeca do PT e dos senadores Pedro Chaves (Republicanos), Simone Tebet (MDB) e Waldemir Moka (MDB).

Também tem verba carimbada com saldo orçamentário dos deputados Bia Cavassa (PSDB), Beto Pereira (PSDB), Luiz Ovando (PSL) e Rose Modesto (PSDB).

O Ministério da Educação vai liberar outros R$ 13,3 milhões para compra de mais 68 ônibus desta finalidade. O empenho já está em Ata, em processo de compra, totalizando os recursos em R$ 47,4 milhões.

São três diferentes modelos de ônibus, cada um deles com uma capacidade diferente de passageiros: Ônibus Rural Escolar (ORE 1 – 29 assentos): 141 veículos; Ônibus Rural Escolar (ORE 3 – 59 assentos): 24 veículos; Ônibus Urbano Escolar Acessível de Piso Baixo (ONUREA – 21 assentos): 03 veículos.

Participaram do ato, além do governador e do ministro da Educação, a ministra Tereza Cristina (Agricultura), o senador Nelsinho Trad (PSD), a secretária de Estado de Educação, Maria Cecilia Amêndola da Motta; secretário de Estado Adjunto de Educação, Édio Resende de Castro; Coordenador de Convênios da SED/MS, Alessandro José Perassoli; deputados estaduais, federais, prefeitos, vereadores e outras autoridades públicas.


Por: Willams Araújo


***
Tecnologia do Blogger.