Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

PARAÍSO DAS ÁGUAS| Prefeitura está pavimentando serras na zona rural do Município; investimento de quase meio milhão de reais

A primeira região à ser atendida está sendo a da Córrego Fundo. Investimento é de quase meio milhão de reais.

Pavimentação asfáltica chegando em regiões remotas da zona rural ©Max Arantes
Prefeitura Municipal de Paraíso das Águas através da Secretaria Municipal de Infraestrutura Rural e Urbana está realizando a pavimentação de serras em regiões importantes do Município.

Nesta etapa, serão pavimentadas três serras, que com a pavimentação, facilitará o escoamento da produção agrícola, transporte escolar, facilitar e garantir segurança ao acesso do campo à cidade.

Na região do Córrego Fundo (fotos) são 1.725 m² de pavimentação asfáltica. Serão pavimentadas as serras da região:

Santa Luzia (800 m²)

Colorado (1.640 m²)

Total do investimento é de R$ 424.848,76 (quatrocentos e vinte e quatro mil, oitocentos e quarenta e oito reais e setenta e seis centavos). * Valor atualizado com aditivo. Até o término de todas as obras poderão sofrer alterações.

O prefeito municipal Ivan da Cruz Pereira (Xixi/DEM) juntamente com o secretário de Administração e Finanças Ildo Furtado de Oliveira e com o diretor do departamento de fiscalização de obras públicas, Ermínio Max da Silva Couto, estiveram visitando a obra que está sendo concluída na região do Córrego Fundo a cerca de 25 km do perímetro urbano de Paraíso das Águas.

"Aceitamos o desafio e estamos fazendo algo que poucos municípios brasileiros fazem. Pavimentando serra na região rural. Quem vive nesta região e precisa escoar sua produção, utilizar o transporte escolar é que sabe a importância desta obra. Agradeço a Câmara Municipal que foi importante nesta decisão e apoio para esta obra que contribui principalmente para a segurança do transporte e tráfego", destacou o prefeito Ivan Xixi.

Recentemente a prefeitura concluiu a construção de uma ponte de concreto neste córrego, que antes de condições precárias e oferecia muitos riscos para quem a utilizava.









Por Fernando Brito

***
Tecnologia do Blogger.