Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Famílias trabalhadoras do aterro sanitário "Lixão" enfrentam problemas de Saúde e Pedro Kemp aciona MPE

 

©ARQUIVO

O deputado estadual Pedro Kemp (PT-MS) encaminhou uma indicação para o MPE (Ministério Público Estadual) para que sejam tomadas providências a respeito dos problemas de Saúde enfrentados por crianças e idosos, que moram nas proximidades do Lixão, no Bairro Dom Antônio, na Capital. “Apresentei hoje na sessão da Assembleia Legislativa solicitação de providências ao MPE para apurar as responsabilidades pelo mau cheiro insuportável na ocupação urbana Cidade de Deus II, Bairro Dom Antônio Barbosa e Conjunto Habitacional José Teruel Filho. A realidade de insalubridade tem causado sérios transtornos para o bem-estar e a saúde dos moradores, como dores de cabeça e náuseas”.


O problema, segundo os moradores, está ligado tanto a presença do Lixão – aterro sanitário – como também o fato de no local existir a UTR-Unidade de Tratamento de Resíduos e a unidade de tratamento de esgoto.


Mas, a situação se agravou com a instalação da empresa de compostagem de adubo orgânico na localidade. “A população daquela região trabalha com a reciclagem. É importante que o MPE provoque uma ação eficiente do município que garanta moradia digna e Saúde para quem mora na região e assim, uma solução para minimizar os problemas do mau cheiro”.


O documento foi encaminhado para a Promotora de Justiça da 42 Promotoria de Meio Ambiente de Campo Grande, Andreia Cristina Peres da Silva.


ASSECOM

Tecnologia do Blogger.