Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

PANDEMIA| Campo Grande já tem 143 mortes por Covid-19 em agosto e supera mês anterior, que teve 132 óbitos

Situação preocupa as autoridades de saúde, já que ainda temos uma semana para o encerramento do mês. Em todo o estado, são 328 mortes, 8 a mais que em julho.

©ILUSTRAÇÃO
Campo Grande já tem 143 mortes registradas por Covid-19 em agosto e ainda falta uma semana para o encerramento do mês, o que preocupa as autoridades de saúde, principalmente porque o número superou julho, que teve 132 óbitos pela doença. Em todo o estado, também foram contabilizadas 328 mortes este mês, 8 a mais do que julho.

"Nós continuamos a fazer o apelo e pedir para que as pessoas fiquem em casa e curtam a sua família, sem aglomeração. Precisamos que todos nos ajudem a melhorar a taxa de isolamento em Mato Grosso do Sul", afirmou o secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende.

Neste domingo (23) já são contabilizadas 738 mortes no Estado, com taxa de letalidade de 1,7%. Nas últimas 24 horas, foram 16 mortes na Capital e 610 novos casos em Mato Grosso do Sul. "Nós chegamos ao número de 44.2498 sul-mato-grossenses com Covid-19, com média de 809 casos por dia. O número é bastante exagerado e mostra que temos que atuar para ter um declínio. E Campo Grande contribuiu com a metade. São 401 casos ao dia, uma média de 50%", comentou Resende.

A secretária estadual adjunta de Saúde de MS, Christinne Maymone, ressalta que 183.367 amostras continuam em análise no Laboratório Central de Mato Grosso do Sul (Lacen-MS) e parceiros, tendo 2.627 casos sem encerramento, 2651 descartados e 135.591 casos confirmados. A taxa de letalidade também permanece a 1,7% e a média móvel é de 738 óbitos.

"A Capital está contribuindo com 401 casos ao dia, então é necessário manter o distanciamento social e as pessoas se protegerem usando a máscara, bem como mantendo as etiquetas de higiene", disse a secretária.

Dos novos casos, Campo Grande teve 259, enquanto Coxim teve 99 casos, Aquidauana contabilizou 31, Dourados 29, Naviraí e Rio Brilhante 21 em cada município, Corumbá 17, Chapadão do Sul 16, Miranda 14, São Gabriel do Oeste e Ponta Porã 11 em casa, Bonito e Terenos 7 em cada, Costa Rica e Paranaíba 7 em cada, Amambai, Eldorado, Inocência e Ladário 6 em cada e Deodápolis, Paranhos, Porto Murtinho e Nova Alvorada do Sul 1 em cada.

Por Graziela Rezende, G1 MS
Tecnologia do Blogger.