Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Lei imortaliza nome de ex-funcionário Leonel em Viveiro da Sanesul

©DIVULGAÇÃO
O Diário Oficial do Estado publica na edição desta terça-feira (18) o extrato da Lei 5.555, de 17 de agosto de 2020, sancionada pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que denomina de “Leonel Gomes Ferreira” o Viveiro da Sanesul localizado no final da rua General Osório, próximo da Vila Cachoeirinha, em Dourados.

A publicação é resultado de Projeto de Lei apresentado no começo do mês passado pelo deputado Barbosinha (DEM), propondo o nome do ex-funcionário da empresa para batizar o local, que será construído na cidade.

Com a lei, o parlamentar homenageia Leonel que faleceu aos 51 anos devido a problemas de saúde. “O ‘Professor’, como era conhecido pelos amigos e colegas de trabalho, teve uma vida inteira de dedicação ao saneamento da cidade de Dourados”, recorda Barbosinha, que presidiu a Sanesul durante mais de sete anos no Estado.

Leonel Gomes Ferreira nasceu no dia 17 de abril de 1968, na cidade de Rio Verde de Mato Grosso e chegou em Dourados em 1988, logo ingressando na Sanesul. Na empresa, exerceu os cargos de operador de produção, operador de ETA (na Estação de Tratamento de Água), auxiliar técnico de laboratório, operador de processos e técnico em manutenção de hidrômetros. 

Barbosinha acredita que nos 31 anos como funcionário assíduo da Sanesul, Leonel deixou um legado de profissionalismo, responsabilidade e proatividade. “Sempre muito comunicativo e confiável, procurava de todas as formas ajudar seus amigos e fazer seu trabalho com excelência”, defendeu o parlamentar.

Leonel também foi um desportista muito conhecido em Dourados, que lhe rendeu o apelido de ‘professor Leo’. Ele jogou vários campeonatos na lendária L.E.D.A (Liga Esportiva Douradense de Amadores), Inter Vilas, Inter Flórida, de competições na Picadinha e representou empresas como a Camapi Motores, Corte Aço e a própria Sanesul, destacando-se na posição de goleiro. “O ‘professor Leo’ chegou ganhar mais de 30 troféus e foi considerado um dos melhores goleiros de Dourados”, observou Barbosinha.

A legislação é uma homenagem do parlamentar, e de todos os amigos e companheiros de trabalho que Leonel cultivou na empresa. 

Por: Luciana Bomfim
Tecnologia do Blogger.