Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Deputado Coronel David lamenta morte de PM e diz que Centro Biopsicossocial será uma realidade em breve

©ARQUIVO
O deputado estadual Coronel David (Sem Partido) lamentou hoje, durante a sessão desta quinta-feira (09), na Assembleia Legislativa, a morte por suicídio do policial militar Cabo Hudson Duarte. O parlamentar aproveitou ainda para ressaltar a importância da criação do Centro Biopsicossocial que foi pedida por ele no ano passado. “Infelizmente ontem nós tivemos a perda da vida de um policial militar o Cabo Hudson Duarte, que, por estar em uma situação de depressão, acabou se enforcando. Este é um assunto recorrente dentro da segurança pública por conta das intensas pressões que o servidor da segurança enfrenta em suas atividades profissionais”.

“E todos devem ter acompanhado, que ainda no ano passado nós fizemos uma indicação ao governo do Estado propondo a criação de um Centro Biopsicossocial para justamente dar esse tipo de atendimento a todos os servidores da segurança pública, de todos os órgãos que compõe a Sejusp, e ai eu fico muito feliz porque fizemos a sugestão desta ideia e discutimos no governo, com o Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública Antônio Carlos Videira e também com o Governador Reinaldo Azambuja e com o Secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica Eduardo Riedel. Fico feliz que a ideia foi integralmente acolhida, tanto que na semana passada já tinha tomado conhecimento que num prazo de 120 dias nós já teremos a instalação do referido Centro Biopsicossocial, que vai funcionar na antiga escola Riachuelo, onde é a casa da saúde”, ressaltou David.

O Diretor do Centro Biopsicossocial já está escolhido, e será o Coronel da Polícia Militar Enir Soares de Souza Junior, Cel Souza Junior, que é psicólogo. No local irá funcionar o atendimento de médicos, psiquiatras e assistentes sociais para que todos tenham o necessário suporte para enfrentar as pressões do dia a dia. “E algo interessante já relatado pelo Secretário Antônio Carlos Videira é que o centro vai ser dotado de vans que darão atendimento a todos os servidores da segurança pública, que estejam no interior do Estado e que precisem vir para a Capital para receberem o referido tratamento, então sem dúvida nenhuma, aquilo que já acontece em termos operacionais de atuação conjunta dos órgãos da segurança pública contra a criminalidade, nós vamos ter agora nesse atendimento extremamente importante a todos os profissionais notadamente na questão psicológica, atendimento de assistência social e tudo aquilo que pode em algum momento levar a um outro tipo de comportamento desses servidores e que poderia infelizmente acontecer fatalidades, como aconteceu ontem. Deixo aqui registrado o meu lamento pela morte ontem de um amigo que eu tinha na polícia militar, mas ao mesmo tempo me sinto recompensado que pela nossa atuação parlamentar, felizmente graças a Deus, agora nós vamos ter um local devidamente estruturado para dar esse atendimento aos servidores da segurança pública”, destacou. 

E ao final de sua fala o parlamentar lamentou que somente agora como deputado estadual tenha conseguido colocar esse antigo projeto em pleno funcionamento. “Lamento que só agora como deputado a gente tenha conseguido realmente colocar esse projeto em pleno funcionamento, até porque já tentávamos isso desde a época em que fui Comandante Geral da Polícia Militar, mas Deus é bondoso e fez com que nesse momento a gente conseguisse juntar pessoas que tem o mesmo interesse que nós de realmente tratar com dignidade os servidores da segurança pública, então agradeço muito ao Antônio Carlos Videira e ao Reinaldo Azambuja por terem entendido essa grande importância do centro para a saúde mental de todos”, concluiu.

ASSECOM
Tecnologia do Blogger.