Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

PANDEMIA| Chapadão do Sul entra no mapa do coronavírus e MS chega a 65 casos da doença

©ILUSTRAÇÃO
A semana começa com 65 casos confirmados de coronavírus em Mato Grosso do Sul.  Dos 3 testes positivos das últimas 24 horas, 2 foram registrados em Três Lagoas: uma mulher de 47 e outra de 88 anos, ambas internadas após apresentarem os sintomas mais severos da doença.

A maior novidade é o terceiro caso, que fez Chapadão do Sul entrar para o mapa do coronavírus no Estado. O primeiro caso da cidade até agora é de um jovem de 27 anos, que esteve recentemente em São Paulo, epicentro da covid-19 no Brasil.

 Dos 65 confirmados, 16 seguem internados, 15 na rede particular e apenas em hospital  público.

 O Estado tem neste domingo 698 notificações, 31 a mais que ontem. Seguem dependendo de resultados os exames de 41 suspeitos. Outras 27 pessoas já tiveram alta Hoje, em 41 municípios há casos em investigação, 16 em Campo Grande.

 “Aqui há uma parcela significativa de doentes entre 20 e 50 anos, o que é bem diferente do que ocorreu na Itália, na Espanha e nos Estados Unidos. O jovem não pode sentir-se poderoso e achar que não vai acontecer com ele. Continuam em festinhas, em rodinhas de tereré e chimarrão, além do narguilé", advertiu o secretário de saúde, Geraldo Rezende.

Subnotificado - Como os exames de coronavírus só são feitos com pacientes internados e familiares de quem testou positivo, os números reais da doença devem bem maiores.

Também há casos de pessoas que transitam com o vírus, mas não tem o dado registrado  aqui, como a situação de empresário que no inicio da pandemia foi transferido de Campo Grande para São Paulo e não entrou nas estatísticas locais.

Outro tipo de situação é como de uma mulher, de 41 anos, que testou positivo em Ponta Porã ontem, mas não entrará nos registros sul-mato-grossenses, porque ela foi contaminada em Ribeirão Preto (SP), mas apesar dos sintomas, resolveu companhar o marido em uma entrevista de emprego em Ponta Porã e acabou com o quadro agravado.

Fonte: campograndenews
Por: Ângela Kempfer
Tecnologia do Blogger.