Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

PROCURADO| Peão que matou ex-prefeito está sendo procurado no Paraguai, diz Sejusp

Luiz Fernandes está foragido há cinco dias
Procurado pela polícia de Mato Grosso do Sul desde segunda-feira (24), o peão Luiz Fernandes, de 54 anos, acusado de matar o ex-prefeito de Amambai e assessor especial do Escritório de Gestão Política de Mato Grosso do Sul, Dirceu Lanzarini, agora também está sendo procurado no Paraguai, segundo informou a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) nesta sexta-feira (28). 

Ontem (28), durante uma reunião com a Polícia Nacional, por meio do porta-voz Alexander Méndez e com o promotor Hernan Mendoza, do Ministério Público do Paraguai, o titular da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), Ricardo Cavagna com os delegados de Polícia Civil de Amambai e de Coronel Sapucaia entregaram documentação da expedição de mandado de prisão do autor em território paraguaio. 

A Sejusp ainda informou que do lado brasileiro equipes da inteligência permanecem na região do crime e estão fazendo varreduras em matas e fazendas com apoio de helicóptero e drones na tentativa de encontrar o suspeito. 

CRIME

Segundo testemunhas Lanzarini teve uma tensa discussão com Fernandes, que trabalhava na fazenda dele há pelo menos 10 anos. Após a discussão ele foi atingido por dois tiros na cabeça, chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu. Não foram revelados detalhes do bate-boca, mas o uso de sementes na propriedade teria motivado o desentendimento.

O genro de 33 anos que estava no local também foi ferido pelo capataz mas sobreviveu.

Por: Bruna Aquino
Tecnologia do Blogger.