Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Portões para o Enem abrem às 11h e caneta só de tinta preta

Candidatos terão uma hora para entrar nos locais de prova; portões serão fechados às 12h

Candidatos em frente a um dos principais locais de realização da prova, em Campo Grande, no ano passado ©DIVULGAÇÃO/ARQUIVO
Chegou o dia da primeira etapa do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2019 e, para mandar bem na hora do teste, é preciso que candidatos fiquem atentos ao endereço do local de provas, chegue com antecedência e leve apenas canetas com a cor autorizada.

Em Mato Grosso do Sul, mais de 70 mil pessoas se inscreveram para o exame, em 42 cidades. Os portões aqui no Estado serão abertos às 11h, com início das provas ao meio-dia. E atenção! Nada de caneta azul. Para realização da prova é obrigatório uso de caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

O candidato também deve apresentar documento oficial de identificação, original e com foto. Também é aconselhável estar com o Cartão de Confirmação de Inscrição e Declaração de Comparecimento impressa (caso o participante precise do documento).

Para conferir o local onde realizará o exame, o candidato deve acessar a “Página do Participante”.

Provas 

Neste domingo (3), serão aplicadas as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. Cada uma composta por 45 questões. Neste primeiro dia, os candidatos também precisarão entregar a redação, texto dissertativo-argumentativo, de no máximo 30 linhas.

Já na semana que, no dia 10, o último dia do Enem será com aplicação das Provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias. Os gabaritos, assim como os cadernos de questões, serão divulgados no dia 13.

Conforme o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), com as notas individuais no Enem, o candidato pode inscrever-se em programas de acesso à educação superior, programas de bolsa de estudos e/ou de financiamento estudantil, entre outros programas do Ministério da Educação. O exame também pode ser uma referência para autoavaliação do estudante.

Por: Liniker Ribeiro
Tecnologia do Blogger.