Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Deputado Antônio Vaz quer prioridade no atendimento médico para detectar precocemente o câncer em crianças e adolescentes

©DIVULGAÇÃO
Dar preferência em exames de crianças e adolescentes para o diagnóstico de câncer é o principal objetivo do projeto de lei protocolado pelo deputado Antônio Vaz (Republicanos), na sessão plenária desta quarta-feira (30). 

O Projeto de Vaz, presidente da comissão de saúde da assembleia, determina o atendimento preferencial e emergencial à criança, ao adolescente e ao adulto, na fase jovem (até 40 anos), com suspeita de câncer, para todos os exames na fase de diagnóstico e tratamento, no âmbito do estado de MS. 

Em sua justificativa, Antônio Vaz, cita a grande incidência da doença em pessoas jovens e em crianças, indicando os dados do Instituto Nacional do Câncer, através do registro de câncer de base populacional (RCBP) que informa uma estimativa de ocorrência de novos casos da doença em crianças e adolescentes até os 19 anos, nos anos de 2018-2019, que poderá chegar a 12.500 casos.

A doença é diagnosticada e tratada no Sistema Único de Saúde (SUS) por meio de uma Rede de Atenção a Saúde das Pessoas com Doenças Crônicas, incluindo o câncer. Entretanto, em muitos casos o diagnóstico precoce e o tratamento especializado pode demorar. “A doença em crianças, adolescentes e jovens adultos entre os 19 a 40 anos precisa ser diagnosticada precocemente. Devido à dificuldade de acesso aos exames, que podem diagnosticar o câncer, muitos pacientes iniciam o tratamento, já com a doença em fase avançada dificultando a cura”, justificou o republicano. 

Por: Márcia Caetano
Tecnologia do Blogger.