Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

CAARAPÓ| Apoio da prefeitura fomenta a piscicultura no Município

O município de Caarapó possui um grande potencial hídrico para a piscicultura ©DIVULGAÇÃO
O apoio da prefeitura de Caarapó para projetos ligados à agricultura familiar tem sido fundamental para o reforço das atividades no campo. A diversificação da produção, com o consequente aumento do ganho do produtor rural nas pequenas propriedades, constitui o objetivo das parcerias promovidas pela administração de Caarapó para esse segmento. E uma das ações que se destacam em Caarapó está no âmbito do Projeto Municipal da Cadeia Produtiva da Aquicultura Familiar para a produção de peixes, coordenada pela Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Econômico. 

O projeto consiste na formalização de parcerias com os piscicultores, pelo qual a prefeitura fornece máquinas e equipamentos para a escavação de tanques, a custos subsidiados. Além disso, há disponibilização de assistência técnica em toda a cadeia produtiva, da preparação do tanque à comercialização do peixe.

O produtor beneficiado com as ações do projeto contribui com o valor de R$ 70 por hora trabalhada da máquina, quantia utilizada para manutenção do equipamento, além do combustível. “Se fosse fazer uma contratação comercial de máquina, o produtor teria de desembolsar até R$ 250 por hora”, afirma o chefe do Departamento de Agricultura e Pecuária, Alexandro Aparecido da Silva. “Mesmo contribuindo com o combustível, essa contribuição sai muito em conta”, acrescenta.

Relatório do Departamento de Agricultura e Pecuária indica que já foram atendidos 11 produtores de um total de 50 cadastrados, resultando na construção de 19 tanques, cujo trabalho consumiu o total de 370 horas de trabalho.

“Com essa iniciativa, estamos buscando atender o pequeno produtor na área de piscicultura familiar sustentável”, observa o prefeito André Nezzi, acrescentando que “o objetivo é, desde a ideia inicial, escavação do tanque até a comercialização, sendo o produtor assistido em todos os elos da cadeia”. Segundo o dirigente, o projeto foi concebido para atender a demanda de pequenos agricultores rurais que tenham interesse de inserir ou expandir essa atividade na propriedade, considerando que Caarapó possui um grande potencial hídrico para a piscicultura. 

André Nezzi esclarece ainda que o produtor interessado deve procurar o Departamento de Agricultura e Pecuária para fazer o cadastro. O órgão fica localizado no prédio da Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Econômico, situado na Avenida Presidente Vargas, nº 861. Informações podem ainda ser obtidas pelos telefones 3453-3192 e 99987-0278.

ASSECOM
Tecnologia do Blogger.