Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

FEMINICÍDIO| Assassino de Chapadão do Sul se entrega após passar noite no mato

Mecânico é acusado de espancar e asfixiar ex-mulher na casa dela

Vítima de 41 anos teve o corpo encontrado na sua própria sala, mas testemunhas viram o autor fugindo ©Reprodução
Menos de 12 horas depois, o mecânico acusado de espancar e matar por asfixia Neuricleia Martins das Silva, 41 anos, na noite do último domingo (31/3), em Chapadão do Sul, se entregou à Polícia Civil e foi preso em flagrante pelo assassinato.

Segundo a polícia, ele decidiu se entregar após passar a madrugada escondido no matagal e conversar com familiares, descobrindo que os investigadores estavam próximos de encontrá-lo.

Não foi divulgada sua explicação para o ato;

O CASO

Segundo a polícia, Neuricleia foi espancada e asfixiada até a morte. O autor havia sido preso por violência doméstica e foi posto em liberdade há cerca de dez dias. Após a ação, ele fugiu em um automóvel Fiat Uno.

De acordo com o portal 'Correio News', o assassinato ocorreu na casa da vítima.

Neuricleia foi encontrada caída na sala, com ferimentos na cabeça, escoriações pelo corpo e marcas no pescoço. Testemunhas alegaram terem ouvido os gritos de socorro da mulher e logo em seguida perceberam a fuga do agressor.

Familiares disseram que o homem era violento e que sempre o casal discutia, motivo pelo qual pediam com frequência para que ela se separasse, mas ela se recusava. No local, a perícia técnica constatou que o acusado usou objeto como cinto ou corda para asfixiar a vítima. Ele já havia sido preso duas vezes e no último caso, ficou na cadeia por 20 dias.


Fonte: CE
Por: RAFAEL RIBEIRO
Tecnologia do Blogger.