Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Deputado Jamilson Name quer suspensão do funcionamento dos radares na Capital

©DIVULGAÇÃO/ALMS
O deputado estadual Jamilson Name apresentou na Assembleia Legislativa um pedido para a AGETRAN – Agência Municipal de Transporte e Trânsito, suspender a instalação e o funcionamento de radares eletrônicos em Campo Grande, até que sejam efetuados estudos técnicos de avaliação sobre a real necessidade da utilização desses equipamentos.

Além disso, o deputado quer o envolvimento da sociedade na discussão sobre os locais para instalação dos equipamentos.

A iniciativa tem exemplo do governo federal que determinou o cancelamento da instalação de oito mil radares eletrônicos em estradas sob sua responsabilidade até que seja verificada a real necessidade da utilização desses equipamentos. O governo federal vai adotar um plano de revisão para todos os contratos de radares que vai atuar no período de renovação da concessão de trechos de rodovias. Foram cancelados 24 contratos que integrariam o chamado Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade (PNCV) da gestão Temer, sendo que, 17 deles estão em fase adiantada de negociações e três contratos atenderiam concessões em Mato Grosso do Sul.

A medida foi adotada para coibir a chamada ‘indústria das multas’. Conforme Jamilson Name, a suspensão dos radares é uma forma justa com a população e uma iniciativa para coibir a indústria da multa, aumentar a segurança nas áreas de risco de acidentes e dar mais segurança para a população. “O que a população reclama é da falta de transparência nos critérios para estabelecer os locais para instalação dos radares”.

Por: Marcelo Pereira
Tecnologia do Blogger.