Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Shoppings e bancos podem ser obrigados a terem intérprete de libras em MS, segundo projeto

Projeto quer dar acessibilidade a deficientes

©DIVULGAÇÃO/ALMS
O deputado estadual Evander Vendramini (PP) apresentou nesta quarta-feira (13) um projeto de lei que pode obrigar shoppings centers e bancos a terem um intérprete de libras para dar maior acessibilidade a pessoas com deficiência em Mato Grosso do Sul.

A ideia do parlamentar teria surgido ao presenciar um atendimento a um deficiente auditivo no banco. “Não conseguiram atende-lo e um familiar teve que ser chamado na casa para que o problema dele fosse resolvido”, disse.

Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), são mais de 107 mil deficientes auditivos somente no Estado. Na justificativa do projeto, Vendramini afirma que as instituições financeiras tiveram lucro bilionário em 2018, ‘não tendo como justificativa a falta de orçamento para impedir a implantação dos dispositivos do projeto de lei’.

“É um passo importante parta viabilizar a inclusão social deste seguimento da população, reconhecimento da cidadania e dos direitos significativos e fundamentais para o convívio de forma igualitária na sociedade”, diz o texto.

Caso a lei não seja cumprida, os órgãos podem pagar até 300 Uferms. O projeto ainda vai tramitar pelas comissões da Casa antes de ser avaliado pelos deputados.

Fonte: Midiamax
Por: Evelin Cáceres e Ludyney Moura
Tecnologia do Blogger.