Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

ALMS| Deputados repercutem visitas a barragens de Corumbá

©ARQUIVO
A visita por comitiva parlamentar a duas barragens de contenção de rejeitos de mineração, instaladas em Corumbá, foi tema repercutido na manhã de hoje (28) na sessão ordinária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS).

Os parlamentares Evander Vendramini (PP), Herculano Borges (SD) e Lucas de Lima (SD) visitaram as barragens do Gregório, da Vale, e Monjolinho, da Vetorial na última sexta-feira (22), e pretendem entregar relatório sobre a visita amanhã. Herculano Borges afirmou que, embora alguns pontos precisem ser melhorados e estudados com mais profundidade, durante a visita conheceram o plano de emergência das barragens, que avaliou como “um plano bem feito”.

Reconhecendo, ainda, a vegetação equilibrada e a ausência de risco ao Rio Paraguai, ao destacar as diferenças com a barragem de Brumadinho, o deputado Herculano ponderou que é necessário, mesmo assim, analisar e inspecionar os equipamentos utilizados e acompanhar a entrega do plano de emergência atualizado. “O plano de emergência teria que ser atualizado até junho, no entanto, com a tragédia de Brumadinho, o prazo foi antecipado para abril, e continuaremos acompanhando”, afirmou o parlamentar.

O deputado Herculano ressaltou a importância da mineração para a economia. “Reconhecemos que são muitos empregos gerados, recolhimento de impostos para o Estado, geração de renda. Não queremos acabar com a mineração. Mas hoje existem outras técnicas, como o minério a seco que não gera rejeitos, algo que precisa ser estudado”, avaliou Herculano.

Para o deputado Lucas de Lima, que também participou da visita, o impacto ao meio ambiente deve fazer parte dos relatórios da Vale e Vetorial. “O que é importante colocar também é que precisamos saber o que toda essa atividade causa ao meio ambiente. Aos nossos córregos e peixes, às nossas matas, qual o impacto e qual a contrapartida que essas empresas podem oferecer”, frisou.

Evander Vendramini destacou a preocupação e a necessidade de agir com cautela, mesmo com os dados positivos da visita. “Em Mariana e Brumadinho parecia que estava tudo bem e aconteceu aquela tragédia. Então temos que pedir relatórios e estudar novas iniciativas. Uma das ideias é a utilização dos rejeitos pra tijolos de moradias populares ou asfalto também”, afirmou Vendramini.

Finalizando o debate, Herculano comentou a importância da visita dos parlamentares às barragens. “A responsabilidade pelo meio ambiente é de todos nós. É papel de toda a Casa prezar pela segurança do nosso pantanal. O nosso parecer, que pretendemos divulgar amanhã, não será técnico. Mas será nossa resposta à sociedade sobre o que vimos nesta visita”, explicou.

Por: Ana Maria Assis
Tecnologia do Blogger.