Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Bovinocultura de Corte: Senar/MS potencializa a eficiência produtiva de mais de 2 mil propriedades de MS

©DIVULGAÇÃO
A matéria publicada na editoria ‘Mercado Agropecuário’ destaca segunda-feira (18), com foco na exportação, revela o potencial sul-mato-grossense quando o assunto é pecuária de corte. No quesito produtividade o estado também fica em evidência. Mato Grosso do Sul é o segundo estado no ranking dos maiores produtores da proteína do Brasil.

Os dados confirmam a eficiência da atividade pecuária no estado e aumentam a responsabilidade e o desafio em agregar, ainda mais, valor à matéria-prima para conquistar maior rentabilidade. “Não há como falar em melhorias sem incluir a gestão no negócio rural. Para investir em tecnologias que priorizem a sustentabilidade dentro da porteira, por exemplo, é necessário ter planejamento, pensar como empresa e organizar administrativamente e financeiramente a propriedade”, afirma o presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito.

O Senar/MS possui em seu catálogo de cursos mais de 200 opções que atendem produtores e trabalhadores rurais nos 79 municípios do estado. “Acesso ao conhecimento que atinge todos os perfis. Os participantes podem, por exemplo, completar um ciclo, que inicia com informações básicas, avançam para a área de aperfeiçoamento e concluem as etapas mais avançadas de capacitações. O profissional também pode escolher por área de atualização e obter conhecimentos mais específico e atual da sua função, dentro e fora da propriedade”, ressalta o superintendente do Senar/MS, Lucas Galvan.

Entre as capacitações oferecidas gratuitamente pela instituição estão a Aplicação de Medicamentos em Bovinos, Casqueamento em Bovinos, Inseminação Artificial, Manejo de Pastagens, Manejo Nutricional de Bovinos e também Racional de Bovinos para Abate, além dos mais abrangentes como administração rural e os de Promoção Social como é o caso dos cursos de Informática Básica e Educação Ambiental no Campo. Em 2018, mais de 2 mil pessoas participaram dos treinamentos de FPR – Formação Profissional Rural do Senar/MS específicos para esta cadeia produtiva.

Outra atuação do Senar/MS é a Assistência Técnica e Gerencial – AteG, que a partir de um diagnóstico da propriedade apresenta alternativas estratégicas viáveis para cada realidade. Atualmente são atendidos mais de 250 pecuaristas no estado. “A inserção de inovação tecnológica no campo reflete no futuro, principalmente considerando a demanda de mercado por mais alimentos e com a qualidade exigida pelo consumidor. O foco é no resultado gerado a partir de orientações quanto ao uso do solo, oportunidades de produção e a gestão”, explica o coordenador da iniciativa, Nivaldo Azevedo.

Os interessados em participar dos cursos ou em receber o atendimento da equipe de ATeG, devem procurar pelo Sindicato Rural do seu município e falar do interesse.

Além destes, o Sistema Famasul também realiza eventos, Dias de Campo, Vitrines, palestras, oficinas, entre outras ações, que acontece no decorrer do ano. Pelo terceiro ano consecutivo, a Federação é correalizadora da Dinapec - Dinâmica Agropecuária. No evento, a instituição estará presente com extensa programação durante os dias 20, 21 e 22 de fevereiro, na na Embrapa Gado de Corte, em Campo Grande.

Educação no Campo – Toda quarta-feira você conhece uma iniciativa do Senar/MS em nosso portal institucional. Informações sobre o mercado pecuário no estado você confere clicando aqui.


Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul 
Por: Ellen Albuquerque
Tecnologia do Blogger.