Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

CCR MSVia promove ações de conscientização de pedestres no Anel Viário

©Divulgação
A CCR MSVia, concessionária que administra a BR-163/MS, inicia nesta semana uma série de ações educativas com o objetivo de conscientizar pedestres que cruzam a BR-163/MS no perímetro do Anel Viário de Campo Grande (MS). As ações envolverão distribuição de folhetos com mensagens de educação de trânsito e palestras em pontos estratégicos.

Segundo Júlio César dos Santos, coordenador de Interação com o Cliente do trecho Centro da BR-163/MS, o Serviço de Atendimento ao Usuário, SAU, mapeou os pontos de maior circulação e travessia de pedestres de maneira a agir nos locais onde há mais pessoas circulando no entorno da rodovia.

“Com o tempo, os pedestres acostumam com a rodovia e esquecem dos riscos que ela representa, por isso, vamos chamar a atenção dos pedestres para redobrarem os cuidados ao atravessarem a BR-163/MS no Anel Viário”, diz Santos.

O profissional informa que a Concessionária já dispõe de uma relação de todos os polos geradores de travessia (empresas, universidades, postos de serviços, etc) para promover uma série de palestras de segurança viária.

“Vamos abordar os cidadãos que frequentam esses lugares e colocá-los em contato direto com as equipes do SAU responsáveis pelo atendimento das ocorrências na pista”, diz Júlio César dos Santos. “Nada melhor do que ouvir dos próprios resgatistas as recomendações de segurança fundamentadas nas suas experiências de trabalho”.

Em todas as ações, a CCR MSVia distribuirá o folheto intitulado “Travessia Segura: seja vivo, evite atropelamentos”. Nele, a Concessionária recomenda, entre outras coisas, que os pedestres busquem utilizar roupas claras e redobrem a atenção ao atravessar.

“Veja e seja visto. Use roupas claras, especialmente à noite. Nem sempre o motorista consegue enxergar o pedestre a tempo de frear”, destaca o folheto. Além das ações de conscientização de pedestres, a CCR MSVia está buscando encontrar soluções de segurança para os pontos críticos de travessia ao longo do Anel Viário, em conjunto com a Prefeitura e a Agência Nacional de Transportes Terrestres, ANTT.

ASSECOM
Tecnologia do Blogger.