Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Corrida de policiais civis atrai 600 inscritos e atletas profissionais

Atividade é promovida pelo Sindicato dos Policiais Civis e simboliza o dia do policial civil

3ª edição da corrida teve 600 inscritos ©Paulo Francis
A terceira edição da corrida do Sinpol-MS (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul) atraiu 600 inscritos que competem em duas modalidades neste domingo (16). A corrida terá a modalidade de 5 km, com duração média de 40 minutos e de 10 km, com duração média de 1h.

A corrida começou com caminhada de 5 km. Os corredores serão premiados com 4 medalhas, além de troféus e sorteio de brindes. O evento é uma das atividades que simboliza o dia do policial civil, que será no dia 29. Além da corrida, uma missa especial acontece na Igreja Perpétuo Socorro, em data indefinida e um baile.

Presidente do Sindicato, Giancarlo Miranda explicou que as inscrições foram encerradas há duas semanas. “Muita gente não conseguiu se inscrever mas foi correr do mesmo jeito”, comentou. Para o presidente, o evento é uma oportunidade para aumentar a interação entre os policiais e a população.

Além da corrida, comentou Miranda, os policiais aproveitam o evento para contar um pouco mais sobre a rotina dos policiais. O presidente também afirma que a entrada de novos policiais, após concurso, “deixa a polícia com cara nova”.

Técnico em manutenção de operações Gilmar da Silva Ribeiro, 46, corre há 3 anos. “Todos os anos procuro participar”, contou ele, que foi sozinho para o evento. Gilmar participou da corrida de 5km, e percorreu o trajeto durante 22 minutos.

A corrida, comentou, é uma forma de conforto emocional. Gilmar perdeu a mãe e a corrida, para ele, é uma forma de distração. “A adrenalina de correr faz meu dia melhor”, contou.

Homenagem - Atleta profissional, André Rodrigues, 25 participa todos os anos de corridas em Campo Grande e no interior. Ele venceu e modalidade de 10 km, e fez o trajeto em 32 minutos e 59 segundos. A corrida, afirmou, também é uma forma de complementar a renda.

“Participo de todas as edições e ganhei em todas”, contou. André é filho de policial militar e correu com a camiseta do policial Dirceu Rodrigues dos Santos, assassinado em 2014. “Em todas as edições corro com a camiseta dele”, contou. André também vai representar Mato Grosso do sul na Corrida de São Silvestre.

Além da corrida dos adultos, cerca de 50 crianças também participam da corrida. Durante o evento, os participantes também tem acesso à uma praça de alimentação e animação de um grupo musical local.

Fonte: campograndenews
Por: Izabela Sanchez e Miriam Machado
Tecnologia do Blogger.