Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Agressor de Bolsonaro chega a Campo Grande em transferência

Ele vai passar por exames no Imol antes de ir para o estabelecimento penal

Desembarque de Adélio na pista do Aeroporto Internacional de Campo Grande ©Kísie Ainoã
Adélio Bispo de Oliveira, que esfaqueou o candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) na última quinta-feira (6), chegou a Campo Grande no fim da manhã de hoje (8). Ele foi transferido de Juiz de Fora (MG), onde foi preso, para o Presídio Federal da Capital.

Escoltado pela Polícia Federal, Adélio saiu de Minas Gerais pouco antes das 7h30 (horário de Brasília), pelo aeroporto de Juiz de Fora, em um avião da PF. A transferência ocorreu após passar a noite em um centro de detenção provisória na cidade. Antes ele havia sido novamente interrogado na sede da corporação, com objetivo de saber se ele realmente agiu sozinho, como alegou, ou se teve ajuda de outras pessoas e se o crime teve a participação de um mentor intelectual.

Adélio foi escoltado por viaturas do Departamento Penitenciário Nacional ©Renata Volpe Haddad
Já em Campo Grande, Adélio segue para o Instituto de Medicina e Odontologia Legal (Imol), onde deve passar por exames antes de ser levado para o Presídio Federal.

A transferência para um presídio federal foi tomada em comum acordo entre a juíza federal Patrícia Alencar, que ouviu Adélio ontem (7), em audiência de instrução, o Ministério Público Federal (MPF) e a própria defesa do acusado. O objetivo é garantir sua integridade física, já que poderia ser morto dentro do sistema prisional comum.


Por LEANDRO ABREU E RENATA VOLPE HADDAD *Com informações da Agência Brasil
Tecnologia do Blogger.