Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Municípios já batem recorde de chuva no começo de agosto

Estiagem no Mato Grosso do Sul durou mais de 2 meses, e agora 5 cidades registram chuva acima da média.

Divulgação
Depois de uma estiagem que durou mais de dois meses, pelo menos cinco municípios de Mato Grosso do Sul já ultrapassaram a média histórica de chuvas nos primeiros seis dias do mês de agosto. Em alguns lugares, a precipitação chegou a 97% a mais do que geralmente é esperado para o período.

De acordo com o Cemtec/MS ( Centro de Monitoramento de Tempo e do Clima) do estado, em Campo Grande, Itaquiraí, Aquidauana, Sete Quedas e Miranda, a precipitação máxima chamou a atenção desde os primeiros registros de chuva, a partir de sexta-feira (03).

Na Capital, após 51 dias de estiagem, as áreas de instabilidades provocaram chuvas frequentes ao longo do fim de semana. Com o aguaceiro que continuou nesta segunda-feira (06), acumulado está em 74,4 milímetros - superando a média histórica do mês de agosto de 31,4 milímetros.

“Já choveu mais da metade do que é esperado para o mês”, informou a instituição.

Dados das estações meteorológicas monitoradas pelo Cemtec, órgão vinculado à Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura), também apresentou média acima da histórica para agosto o município de Itaquirai.

Fá foram registrados 86,2 mm de chuva, aproximadamente 34% acima do esperado para o mês inteiro.

Também Aquidauana está com média superior. No “portal do Pantanal” o acumulado até o momento é de 35,4 mm, percentual 25% acima da média. Em Sete Quedas é de 18% acima do esperado, sendo que choveu já 80,4 milímetros.

Em Miranda, o acumulado de chuva chegou a 70 mm. Para o mês todo o esperado para a região é de 35,4 mm, o que significa que, com as fortes chuvas que atingiram a cidade desde a semana passada, a precipitação está 97% acima da média histórica.

Mesmo com tanto aguaceiro que atingiu Mato Grosso do Sul nos últimos dias, ainda seguem com estiagem os municípios de Coxim, com 74 dias sem chuva, e Costa Rica, 54 dias de secura. A expectativa, sé de chuva a partir da quarta-feira (08).

Fonte: campograndenews
Por: Anahi Gurgel
Tecnologia do Blogger.