Header Ads

LEIA TAMBÉM
recent

Atributos e desafios para raças leiteiras são temas do Encontro Técnico do Leite, em Campo Grande

Especialistas apresentam características ambientais e inovações para o setor


No dia 31 de agosto, acontece em Campo Grande, o 21º Encontro Técnico do Leite. O produtor rural poderá conferir novas possibilidades para produção leiteira em Mato Grosso do Sul. O evento é realizado pela Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, o Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, o Sindicato Rural de Campo Grande e a Associação dos Criadores de MS.

Uma das palestras do encontro traz o tema “Desafios da Produção com Vaca Holandesa em MS, com o gerente de produção animal do Grupo Sapé, Rodney Guadagnin. “Quando se fala de produção leiteira não existe nenhuma outra raça que produza mais que a holandesa. No Brasil, diferente de outros países, a comercialização de leite é por litro, daí a vantagem é muito grande, pois são animais que conseguem lactação longa e produção de área alta. Segundo o palestrante, o desafio principal para alcançar bom resultado com este animal é a ambiência, conforto térmico, além das hemoparasitoses.

Raça pura, milenar e de dupla aptidão. Essas características estão presentes na Sindi, animal rústico e de excelente conversão alimentar. “Ela vem se destacando no Brasil, principalmente em regiões mais áridas, apresentando ótimos índices produtivos em condições desafiadoras. Indicada para cruzamentos leiteiros e de corte, as fêmeas produzem um leite ‘gordo’, desmamam bezerros sadios e pesados. Já os machos, possuem boa carcaça e elevado rendimento”, explica o diretor secretário da Associação Brasileira dos Criadores de Sindi, Arthur Targino, que ministrará a palestra “Vaca de Leite e Bezerro de Corte”.

Na exposição “Atributos para o Futuro da Produção de Leite”, o presidente da Associação dos Criadores de Gado Jersey do Brasil, Marcelo Xavier, irá falar das qualidades, números de animais no país, potencial produtivo. “É um animal que pode somar no sistema intensivo ou a pasto. Vou mostrar como é possível se tornar competitivo e sustentável na pecuária”.

Na programação tem ainda a palestra “Gir Leiteiro: Produz Carne, Leite e Girolando”, com o André Rabelo Fernandes; “Atributos da Raça Jersey para o Futuro da Produção de Leite”, Marcelo Xavier; “Conforto de vacas leiteiras a pasto e as vantagens do Girolando”, José Chiari e para falar sobre a atuação da Abraleite, o presidente da associação, Geraldo de Carvalho Borges.

O encontro será na Acrissul, na Rua Américo Carlo da Costa, 320, em Campo Grande, com início às 8h e previsão de encerramento às 16h30. O evento é gratuito.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul 
Por: Ellen Albuquerque
Tecnologia do Blogger.